Publicado em 2 de September de 2014
Giovana Massetto – Redação Colheita de Madeira

A Lippel lançou recentemente seu primeiro processador de lenha. O equipamento foi desenvolvido especialmente para produtores que desejam comercializar um produto uniforme e em larga escala.
Todo o processo para obtenção de lenha pode ser controlado por um único operador. Depois de a tora ser inserida inteira no equipamento, o profissional irá cortá-la em seu comprimento, obtendo pedaços menores de madeira. Estes seguem para o rachador, que fica localizado na traseira da máquina, e então, a madeira é rachada em duas ou quatro partes, conforme o ajuste da cunha. Uma esteira pode ser adicionada na saída do processador, carregando as lenhas para outro local e impedindo que a obstrua a saída.
O processador suporta toras com até 30 cm de diâmetro, o comprimento das lenhas é ajustável entre 30 e 110 cm. Na racha é aplicada uma força de 7 t por meio do acionamento de um motor elétrico.
Mais informações: www.lippel.com.br

Fonte: Lippel